Sr. Presidente, nobres Deputados e Deputadas, no próximo dia 25, o Partido Republicano Brasileiro completa 12 anos de fundação. Nada mais justo vir à tribuna desta Casa para expressar a minha gratidão a este partido, que vem ajudando a melhorar o País. Eu tenho orgulho de fazer parte do PRB – um partido decente, que tem raízes fincadas na figura do saudoso Vice-Presidente da República José Alencar, um homem probo, sábio, empreendedor, que dedicou a vida lutando pelo crescimento do País, um verdadeiro republicano.

Sr. Presidente, o PRB é um partido em franca expansão. Apesar de jovem, vem seguindo uma trajetória vitoriosa no cenário político brasileiro. Nas eleições estaduais de 2014, elegeu 21 Deputados Federais, contra seis nas eleições de 2010. Nas eleições municipais de 2016, foram 106 Prefeitos eleitos, contra 80 em 2012, significando um aumento de 32,5%. No mesmo pleito de 2014, foram eleitos 1.604 Vereadores, 32% a mais em relação às eleições de 2012.

Sr. Presidente, o PRB surpreende não apenas pelo seu desempenho nas eleições, mas também pela sua capacidade de governar. Prova disso é o trabalho desempenhado pelo republicano Marcelo Crivella à frente da Prefeitura do Rio de Janeiro. Crivella não faz uso da pirotecnia para mostrar que está fazendo um excelente trabalho. Ele herdou uma Prefeitura endividada, beirando a falência. Dando um passo de cada vez, com paciência e maturidade, Crivella está conseguindo pagar as dívidas, rever contratos, reduzir despesas e garantir o funcionamento da máquina pública. A gestão de Crivella tem pouco mais de 6 meses, mas já é elogiada pela população fluminense.

É assim que o PRB trabalha: pensando sempre no melhor para todos. Afinal, o nosso partido tem no seu DNA a luta pela igualdade, fraternidade e dignidade. Nós, da bancada do PRB na Câmara, trabalhamos para que os brasileiros tenham mais oportunidades de trabalho, mais acesso à saúde, à segurança, à educação e ao ensino profissionalizante.

O PRB, Sr. Presidente, sempre esteve do lado dos brasileiros. Historicamente, participamos de decisões importantíssimas para o nosso País. Hoje, fazemos parte de um governo que vem trabalhando e buscando parcerias para concretizar as reformas que são necessárias para o Brasil voltar a crescer. Apoiamos a reforma trabalhista, que visa a flexibilizar as relações entre empregadores e empregados, sem retirar os direitos adquiridos pelos trabalhadores.

Neste momento, estamos abertos ao diálogo no que consiste a reforma política. Nossa bancada trabalha por uma reforma política justa, que mude para melhor o que está em vigor. O PRB acredita ser importante que o cenário político passe por constantes renovações e, por isso, não crê que o distritão seja o melhor para o Brasil, uma vez que esse modelo poderá privilegiar somente aqueles que permanecem na política graças à sua fama ou recursos, impedindo que novos personagens surjam no cenário político, sobretudo os mais jovens. Isso será muito ruim para a democracia.

O Fundo Especial de Financiamento da Democracia é outro ponto que, a nosso ver, destoa perante a realidade. Não é justo para os brasileiros pagarem a conta dos gastos com campanhas eleitorais, em um momento que o Brasil atravessa dura crise econômica. É vital, senhoras e senhores, que permaneçamos dialogando com as demais legendas, para que possamos chegar a resultados coerentes para a reforma política que o Brasil tanto necessita.

Encerro o meu pronunciamento, Sr. Presidente, parabenizando a todos os membros do PRB, em todo o Brasil, por mais um ano de trabalho e sucesso. Parabenizo também o Exmo. Sr. Ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira, que vem realizando um trabalho excepcional à frente da pasta, enchendo a todos nós de orgulho e ajudando a trazer resultados animadores para o Brasil. É assim que o PRB caminha. É com trabalho e justiça que iremos ajudar o nosso País.

Era o que tinha a dizer.
Muito obrigado.