CONTRA A VIOLÊNCIA

Republicanas de Indaiatuba/SP se mobilizam na campanha ‘Do Luto à Luta’

A cidade paulista de Indaiatuba aderiu à campanha ‘Do Luto à Luta’, promovida pelo em todo o Brasil pelo Mulheres Republicanas, em alusão aos 16 Dias de Ativismo Pelo Fim da Violência Contra as Mulheres.

O lançamento da campanha ocorreu neste domingo (1), com auditório lotado. O evento contou com a presença de lideranças municipais e regionais do Mulheres Republicanas e do deputado federal Roberto Alves (Republicanos-SP). Também estiveram presentes o presidente municipal do Republicanos de Indaiatuba, Luís Rossan, o vereador de Salto/SP, Natalino Silveira, e a psicanalista Cristina Calvi.

Deputado Federal Roberto Alves - Indaiatuba/SPDeputado Federal Roberto Alves - Indaiatuba/SP Deputado Federal Roberto Alves - Indaiatuba/SP Deputado Federal Roberto Alves - Indaiatuba/SP Deputado Federal Roberto Alves - Indaiatuba/SP

A palestrante convidada foi a secretária municipal de saúde de Indaiatuba, Graziela Bassolan. Ela apresentou o projeto ‘Caminho das Rosas’, que consiste no atendimento às mulheres vítimas de violência física e psicológica. De acordo com ela, o projeto coloca à disposição das mulheres os serviços de várias secretarias municipais, como saúde, esporte e lazer, cultura e ação social, no sentido de garantir o amparo necessário à mulher que foi vítima de violência.

“O grande problema é que a violência doméstica está cada vez mais presente em nossas vidas e a sociedade se acostumou com isso. Quem apanha pela primeira vez, certamente será vítima outras vezes e, em muitos casos, a mulher irá culpar a si mesma pela brutalidade do agressor”, disse Graziela.

A secretária regional do Mulheres Republicanas de Valinhos, Vandercleya Moro, ressaltou que a violência pode chegar a todas as mulheres, não importa a idade, cor ou classe social. Para ela, a violência jamais pode ser usada como meio de ‘educação’ ou correção em um relacionamento. É importante denunciar, não importa as consequências. “Ninguém supera o trauma da violência. Quando a mulher dá um basta, ela está pensando em proteger a si mesma e a família, que também é vítima”, destacou.

A secretaria municipal do Mulheres Republicanas de Indaiatuba, Gisele Savi, agradeceu às mulheres que participaram do encontro e destacou que a união é importante na luta contra a violência doméstica. “Unidas, fazemos a diferença. Porque juntas, uma mulher estará ajudando, amparando e encorajando a outra”, disse.

O deputado federal Roberto Alves parabenizou as mulheres republicanas pelo engajamento na luta contra a violência e pela organização da campanha ‘Do Luto à Luta’ em Indaiatuba. Em seu discurso, ele afirmou que o homem cristão tem o dever de semear o amor na família, para que os filhos aprendam a amar as mulheres. “O amor vem através do exemplo. Se nós, homens, dedicarmos o nosso amor e respeito às nossas esposas, os filhos farão o mesmo e esse aprendizado será transmitido de geração em geração”, orientou o parlamentar.

Outras Notícias

Comentários